Paródia de Luan Santana gera processo

O humorista Vinícius Vieira, da Record, está sendo processado pela
paródia da música “Amar Não É Pecado”, de Luan Santana. Na canção “Dar
Rosca Não É Pecado”, ele brinca com a orientação sexual do sertanejo. A
editora da faixa original, Rede Pura, pede R$ 200 mil de indenização por
dano a imagem. A paródia fez sucesso no fim de 2011 na rádio 89 FM.
Procurada, a assessoria de Luan Santana não quis comentar o assunto.

Comentar sobre