Justiça condena Cruzeiro a pagar Mano Menezes

Ação foi despachada nessa terça-feira , ação é referente a direito de imagem devidos ao ex treinador

0
113

Mais uma vez o Cruzeiro segue nas primeiras páginas do jornais esportivos, porém não é pelos seus resultados dentro de campo, até porque não está tendo jogos devido a pandemia.

Dessa vez trata-se de mais uma ação em que o clube de Minas é condenado a indenizar seus ex funcionários. O personagem central dessa vez trata-se de Mano Menezes, ex treinador do clube que saiu em 2019. Técnico ultra vitorioso nos últimos anos tendo conquistado duas copas do Brasil e dois campeonatos mineiros o treineiro cobra na justiça mais de 1 milhão de reais relativos aos direito de imagens que não foram pagos pelo clube quando o treinador trabalhava na toca da raposa.

A juíza Andrea Butller da 42 vara do trabalho de Belo Horizonte determinou que o Cruzeiro pague em 15 dias, contados após o clube ser notificado oficialmente, o valor exato de R$1.011.374,23.

“Acolho a presente ação monitória. Nos termos do art. 701 do CPC, cite-se ao demandado, através de Oficial de Justiça, para pagamento, no prazo de 15 dias, observando-se o disposto no parágrafo 2o do mencionado dispositivo” – diz o despacho.

Além disso, Mano Menezes também tem mais outras ações em curso contra o clube celeste, dessa vez trata-se de atrasos de salários. Nesse caso em específico o mesmo alega que o acordo feito com o Cruzeiro no momento da sua demissão, em 2019, não foi cumprido, na época o valor era de R$ 1.900.000,00 e devido ao atraso incidiu multas e juros e o valor atual chega a R$ 4.300.000,00.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

*

code